POR NOSSAS MEMÓRIAS, POR NOSSAS IDENTIDADES E POR NOSSAS LUTAS SEREMOS RESISTÊNCIA!

“NOSSOS DIREITOS VÊM…

NOSSOS DIREITOS VÊM…

SE NÃO VEM NOSSOS DIREITOS, O BRASIL PERDE TAMBÉM…”

Olá crianças, adolescentes e defensores da vida! 

O Brasil vem passando por momentos de graves ameaças aos direitos conquistados à custa de muita luta popular. Não podemos admitir que as garantias cidadãs sejam retiradas. Não vamos aceitar! A Constituição Federal completou 30 anos de sua promulgação, seu marco maior foi o rompimento com o regime de ditadura militar no Brasil. A Lei 8.069/90, de 13 de julho de 1990 – ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE – ECA uma demonstração de avanço democrático que regulamenta as conquistas referentes aos Direitos de CRIANÇAS e ADOLESCENTES já reunidos no Artigo 227 da Constituição Federal de 1988.

O ECA resgata o valor da CRIANÇA e do ADOLESCENTE como seres humanos – SUJEITOS DE DIREITOS – consagrando Doutrina de Proteção Integral, em virtude das condições peculiares de pessoas em desenvolvimento em que se encontram. Assegura à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade, o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária, além de colocá-los a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão.

MAC – Movimento e Adolescentes e Crianças desde 1968 luta por seus direitos. Acreditamos em uma educação onde o Bem-Comum e a organização para conquistá-lo seja “ensinado” bem cedo. Lutar por cidadania e pela construção de um MUNDO NOVO E BONITO é prática sócio-educativa no nosso Movimento. Por isso apoiamos e participamos de manifestações que querem direitos sociais e um BEM-VIVER para todas os seres.

Em tempos sombrios de ameaças, ódio, machismo, homofobia e retiradas de direitos… Quando um candidato a presidência diz que “o ECA deve ser rasgado e jogado na latrina” o MAC se manifesta e diz NÃO, NUNCA, JAMAIS ao retrocesso e a retirada de Direitos. Ser adolescente não pode ser crime no Brasil. A redução da maioridade penal não resolverá o problema da violência no país. Diariamente ameaçam nossa democracia, mas a todo momento lutaremos por ela, nossa bandeira será sempre a luta pelos direitos de meninos e meninas… QUEREMOS MAIS ARTE, MAIS CULTURA, MAIS EDUCAÇÃO e NÃO ARMAS. Por isso, nesse segundo turno apoiamos o projeto de Fenando Haddad.

Vamos seguir juntos e juntas, fazendo valer as vidas que foram ceifadas, os sangues que foram derramados, as torturas que foram praticadas…. por quem se doou pela liberdade de manifestar a nossa opinião e nós faremos valer.

Vamos Amar, Brincar, Cantar, e Lutar para transformar as realidade injustas!

POR NOSSAS MEMÓRIAS, POR NOSSAS IDENTIDADES E POR NOSSAS LUTAS SEREMOS RESISTÊNCIA!

Viva a Vida!

Viva a Liberdade!

Viva a Democracia!